Michel Fonseca | Mídias Sociais

Escrevendo para audaciosamente ir onde nenhum blogueiro jamais esteve. ;)

Engajamento nas mídias sociais – Como gerar?

leave a comment »

No post passado (Conteúdo nas mídias sociais – Fan page vazia não para em pé) falei um pouco sobre a importância do conteúdo nas mídias sociais e dei exemplos de marcas que não precisam fazer muito esforço pra gerar engajamento. Ou porque possuem um posicionamento que automaticamente gera empatia com o público, como o caso dos sucos Do Bem, ou porque, na própria atuação em mídias sociais, desenvolveu uma “personalidade amigável”, como a Ponto Frio. Mas… e quando o engajamento não aparece?

“Olá! Sou uma empresa e quero ser bacana nas mídias sociais.”

Não é de uma hora pra outra que você vai se tornar legal, digno de um “curtir” de verdade. O trabalho é árduo, mas os benefícios de uma bem elaborada estratégia podem ser percebidos a curto ou médio prazo. Não existe uma receita e as listas de “4384,5 dicas para a sua marca ser simpática nas mídias sociais” não vão garantir o seu sucesso, mas as referências podem auxiliar na construção da sua própria rotina de produção de conteúdo. As diretrizes abaixo sempre me auxiliam na construção de boas estratégias para mídias sociais:

#PENSE AMPLAMENTE

É importante estudar o cenário em que o negócio está inserido (lá ele). Se você for profissional (e inteligente) de verdade, vai gastar algum tempo planejando o que será feito, conhecendo o público, o ambiente, a concorrência, blá, blá, Kotler, blá.

Pense que o seu público se interessa pelo seu produto/serviço, mas não vive em função exclusiva dele. A interseção entre “assuntos de interesse do seu público” e “o que tem relação com o seu negócio” será a sua principal fonte de conteúdo:

– Hotel em região de preservação ambiental: sustentabilidade, belezas naturais, causas ecológicas;
– Companhia aérea: turismo em geral, destinos, atrações e eventos ao redor do mundo;
– Marca de roupas: eventos de moda, dicas de beleza.

Com o tempo, você se tornará a marca que faz parte do dia a dia dos seus fãs. A marca da qual elas sentem falta quando as publicações não são feitas. Eles terão orgulho de sair por aí falando de você. Acredite!

SAIBA LIDAR COM #TROLLS

Bem como mosquitos em paraísos naturais, Trolls são inevitáveis. Na maior parte dos casos, são como crianças mimadas: não possuem razão alguma e só querem chamar a atenção. Mas as vezes o sentimento de injustiça pode estar fortemente enraizado no Troll e ele não desistirá facilmente. De uma forma ou de outra, Trolls atrapalham a sua estratégia, consomem o tempo que você estabeleceu pra dedicar ao projeto e, se puderem, te reduzirão a pó. Aqui vão alguns conselhos para lidar com eles:

– Identifique um verdadeiro Troll

Antes de condenar o pobre coitado, verifique se suas reclamações têm fundamento e foram apresentadas com bom senso. As vezes, por estarmos na defensiva, negativamos qualquer “ai”. Não é porque um consumidor reclamou de um serviço que ele deixará de admirar a sua marca. É justamente nesses momentos que você pode provar o verdadeiro valor da sua marca.

– Não tente comprar um Troll

Jamais “mande um email pra ele oferecendo um vale-desconto”. Isso se transformará em suborno e ele tentará conseguir um milhão de “compartilhar” para te colocar na cadeia.

– Não tire um Troll do palco

Deletar as mensagens dos Trolls não é indicado. É anti-ético e só faz varrer o problema pra baixo do tapete. Criar fakes pra confrontar o Troll também não é indicado.  Isso não costuma funcionar e pode ter efeito reverso, atiçando ainda mais a ira do furioso Troll.

– Não superestime ou subestime um Troll

Analise a real ameaça que o Troll representa. Ele é alguém importante? Ele é filho de alguém importante Ele tem apoio dos demais fãs? Ele REALMENTE foi injustiçado por sua marca? As vezes, a “trollagem” não passa de um surto psicótico desencadeado pelo ócio da internet. No entanto, eventualmente:

O caminho pra lidar com os ditos cujos é dialogar. Não tem pra onde correr. Sua marca entrou na onda da mídia social e deve arcar com a óbvia consequência de lidar com os inimigos. Nem Jesus, se tivesse uma fan page, ganharia “curtir” de todos. Verifique as reclamações do Troll, responda, interaja… uma hora ele vai perceber que sua marca não é tão cruel assim. 😉

SEJA #ÚNICO

Precisamos abastecer o público com conteúdo específico, usando uma linguagem específica. As mídias sociais devem ser uma extensão do seu negócio. Não Twitte a foto do Flickr que você acabou de compartilhar no Facebook. Invista em estratégias únicas para cada canal e desenvolva a personalidade da sua marca adaptada ao ambiente de mídias sociais. Se você tem um blog, obviamente deve compartilhar nas mídias sociais, mas sempre com um toque diferente. Dessa forma, você transforma uma publicação em várias.

SEJA #INSPIRADOR

É importante lembrar que mídia social, em geral e para a maioria dos mortais, é lazer, entretenimento, descontração. Todos os profissionais de mídia social deveriam escrever isso num papel bem grande e colar na frente de suas mesas. Então, vamos falar de coisa boa? Coisa boa gera engajamento! Não precisa postar vídeos de Patati e Patatá, mas um pouco de suavidade cai bem. Notícias engraçadas, memes, música, recordações, saudações… tente encaixar isso na sua rotina de publicações. Como falei no post passado:

São as “publicações inúteis” que geram engajamento, prendem a atenção do público e deixam os fãs abertos e receptivos para o “conteúdo importante” que virá em outro momento. São elas que fazem o cara pensar: porra, essa galera é gente fina! Vou comprar minha TV lá. (leia o post completo)

SEJA #OUSADO

Algumas coisas você só descobre tentando. Não tenha medo de novas ações. Novos horários, novos temas, novos formatos, novas abordagens e linguagens. Planeje, experimente e observe os resultados. A partir dessas experimentações pode surgir a estratégia ideal para formar uma legião de fãs fiéis e garantir o seu sucesso nas mídias sociais.

UTILIZE #FERRAMENTAS

Um dos fatores que diferencial o homem do restante dos animais é a utilização de ferramentas que viabilizam ações, a princípio, impossíveis. Nas mídias sociais, rola o mesmo. Existem ferramentas ou aplicativos que lhe permitem realizar ações que poderiam ser bastante complexas. Existem as ferramentas de sorteio, que podem lhe auxiliar numa promoção que irá gerar mais engajamento e aumento na quantidade de fãs/seguidores. Se você trabalha com uma banda ou músico, pode integrar os trabalhos na fan page através do Band Page ou Sound Cloud. Existem ferramentas pra todo tipo de negócio. Dê uma pesquisada e poderá poupar muito trabalho através delas.

SAIBA O SEU #LIMITE

Não seja o chato que quer ser legal. Se o seu público não é engajado, pegue leve. Vá aos poucos. Dê espaço e avance no tempo certo. Uma publicação sem retorno gera frustração.

Existem muitas outras diretrizes úteis e essenciais para a elaboração de estratégias funcionais. As que citei foi as que vieram à cabeça inicialmente. Espero que você compartilhe algumas nos comentários abaixo! 😉

Anúncios

Written by Michel Fonseca

25/01/2012 às 16:48

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: